¤ Bem-Vindos ao
Cantinho da Carol ¤





¤ Meu nome

Ana carolina...
Amo dias nublados, cheiro de grama molhada, madrugada, noites silenciosas,ver o nascer e morrer das ondas quebrando-se na beira da praia, pôr-do-sol, serra, clima frio, árvores de troncos e copas altas. Transito bem pelo mundo dos contos de fadas ou qualquer coisa que afine a imaginação. Escrevo porque não tenho habilidades com pincéis; faço das letras minha tela; esparramo tinta nas palavras e mergulho nas imagens que vão nascendo despudoradamente. Acredito que "poetisa" é palavra mística. Esse blog pode ser de qualquer coisa que me dê na telha, tudo misturado mesmo: Paulistana, gosto de autores como: Clarice Lispector, Lygia Fagundes Telles, Virgínia Woolf, Cecília Meirelles, Manoel de Barros, Raduan Nassar e Paulo Coelho.
Gosto de pessoas que têm olhos de poeta. Tenho sol em áries, ascendente e a lua no signo de Leão, o que resulta numa "água borbulhante". Sensível,extremamente emotiva,sonhadora, idealista, intuitiva, como são as criaturas nascidas sob o signo de Escorpião, mas bastante impulsiva, às vezes arisca, autoritária e ansiosa. Acima de tudo, posso dizer que dentro de mim há gente demais: um mundo inteiro.








Online Users




¤ Ouvindo ¤

" Lady Antebellum "-"Need You Now"















¤ ¤ ¤



¤carolina2003@uol.com.br

¤ ¤Eu Participo ¤












¤ Poemas Passados

Histórico:

-
Ver mensagens anteriores





¤ Amigos de Carol ¤




- ¤ Blog UOL¤
- ¤Aqueta¤
- ¤Anne¤
- ¤Aqueta¤
- ¤Meu Humildizinho¤
- ¤Força do amor¤
- ¤Aqueta-2¤
- ¤Sombras do Sol¤
- ¤O detentor do destino¤
- ¤Meu Caderno de Bolso¤
- ¤Bela da Noite¤
- ¤ Dr X ¤
- ¤ Mago merlim ¤
- ¤Aquetinha¤


¤ Votação:

- Dê uma nota para meu blog

Indique esse Blog


Contador:




¤Prêmios Recebidos














VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil










 

Todos os anos, há um momento em que olhamos nossos armários com um olhar crítico.
Olhamos aquelas roupas que não usamos há tanto tempo.
Aquelas que tiramos do cabide de vez em quando, vestimos, olhamos no espelho,
confirmamos mais uma vez que não gostamos e guardamos de volta no armário.

Aquele sapato que machuca os pés, mas insistimos em mantê-lo guardado.
Há ainda aquele terno caro, mas que o paletó não cai bem, ou o vestido "espetacular" ganho de presente de alguém que amamos, mas que não combina conosco e nunca usamos.
Às vezes tiramos alguma coisa e damos para alguém, mas a maior parte fica lá, guardada sabe-se lá porque.

Um dia alguém me disse:
tudo o que não lhe serve mais e você mantém guardado, só lhe traz energias negativas.
Livre-se de tudo o que não usa e verá como lhe fará bem.

Acontece que nosso guarda-roupa não é o único lugar da vida onde guardamos coisas que não nos servem mais.
Você tem um guarda-roupa desses no interior da mente.
Dê uma olhada séria no que anda guardando lá.

Experimente esvaziar e fazer uma limpeza naquilo que não lhe serve mais.
Jogue fora idéias, crenças, maneiras de viver ou experiências que não lhe acrescentam nada e lhe roubam energia.
Faça uma limpeza nas amizades, aqueles amigos cujos interesses não têm mais nada a ver com os seus.

Aproveite e tire de seu "armário" aquelas pessoas negativas, tóxicas, sem entusiasmo,
que tentam lhe arrastar para o fundo dos seus próprios poços de tristezas, ressentimentos, mágoas e sofrimento.
A insegurança dessas pessoas faz com que busquem outras para lhes fazer companhia, e lá vai você junto com elas.

Junte-se a pessoas entusiasmadas que o apóiem em seus sonhos e projetos pessoais e profissionais.
Não espere um momento certo, ou mesmo o final do ano, para fazer essa "faxina interior".
Comece agora e experimente aquele sentimento gostoso de liberdade.

Liberdade de não ter de guardar o que não lhe serve.
Liberdade de experimentar o desapego.
Liberdade de saber que mudou, mudou para melhor, e que só usa as coisas que verdadeiramente lhe servem e fazem bem.

Wilson Meiler
(psicanalista, palestrante motivacional e autor de vários livros dentre os quais o best-seller "De Bem com Você, De Bem com a Vida"



- Postado por: Ana Carolina às 10:01
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________






- Postado por: Ana Carolina às 08:46
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________






- Postado por: Ana Carolina às 09:16
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




 

O que é o Amor?

É um pedaço do teu corpo entregue em outra alma,
É o pensamento que vaga distante, quando tu não estás presente.
É o jeito de falar com os olhos, sem precisar nada dizer,
É só se perceber o brilho, que ofusca a quem se busca...
É deixar vagar a mente...
É saber que mesmo distante, tens teu coração junto ao meu...
É saber que tu podes penetrar no meu corpo, sem precisar me tocar...
É sentir que estás perto, mesmo sem te enxergar...

É perceber que tu chegastes com o tempo...
Nos descaminhos que nos fizeram unir os corpos,
Como se as almas se encontrassem...
É sentir-se completo, pleno, cheio de forças e de sonhos...
É poder sentir teu toque, teu cheiro, teu gosto, teu ser...
É sentir o ofegar da tua respiração, quando encontra com a minha..

É saber que teu abraço, me sustenta e me ampara...
É ouvir tua voz trêmula, com medo da vida que me trouxestes até tu.
É ver que o tempo passou mais devagar para mim...

O Amor, o que é o Amor...
nessa vida sem rumo, sem tempo certo?
É o encontro da escuridão da noite, com os raios do sol...
É o nascimento da semente, que cresce para a vida...
Que faz crescer a flor, que exala o mais doce perfume...
E que se deixa morrer, para que dela outras possam nascer...

O Amor, o Amor é...

O encontro das gotas do mar, que fazem crescer as águas...

É a chuva que cai...
É o vento forte, que se mostra na tempestade...
É a brisa que te beija sempre ao amanhecer...
É o sol que brilha, lembrando que é hora de um novo amanhecer...

O Amor, o Amor é...

Como a vida, que começa devagar, nos passos incertos de uma criança...

Depois continua na incerteza de passos ainda mais incertos...
E por fim, se vê o caminho que o tempo não te deixou seguir
Por não ter chegado a tua hora...

E quando é a hora de Amar???
São todos os segundos que a vida te entrega,
São todas as manhãs que o dia te chama,
São todas as noites que o dia te cala.

É quando teu coração se prepara para dar,
Não esperando para receber...
É quando tu te entregas, sem medo de perder...
É quando tu consegues sorrir de tanto chorar...
É quando tu consegues se elevar dos sonhos...
É quando teus lábios murmuram o silêncio...
É quando tua voz penetra no espaço...
É quando tu sentes que chegou tua hora...
É quando as horas encontram seu tempo...
É quando um pedaço de mim se vai...
É quando percebo que tu já não vives em mim..

É então que busco encontrar os sonhos...
Para então poder ter a vida ao meu alcance...
Antes que eu não possa mais senti-la...
É tentar te encontrar na eternidade...
Para novamente poder te Amar...

(desconheço o autor)



- Postado por: Ana Carolina às 15:09
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________