¤ Bem-Vindos ao
Cantinho da Carol ¤





¤ Meu nome

Ana carolina...
Amo dias nublados, cheiro de grama molhada, madrugada, noites silenciosas,ver o nascer e morrer das ondas quebrando-se na beira da praia, pôr-do-sol, serra, clima frio, árvores de troncos e copas altas. Transito bem pelo mundo dos contos de fadas ou qualquer coisa que afine a imaginação. Escrevo porque não tenho habilidades com pincéis; faço das letras minha tela; esparramo tinta nas palavras e mergulho nas imagens que vão nascendo despudoradamente. Acredito que "poetisa" é palavra mística. Esse blog pode ser de qualquer coisa que me dê na telha, tudo misturado mesmo: Paulistana, gosto de autores como: Clarice Lispector, Lygia Fagundes Telles, Virgínia Woolf, Cecília Meirelles, Manoel de Barros, Raduan Nassar e Paulo Coelho.
Gosto de pessoas que têm olhos de poeta. Tenho sol em áries, ascendente e a lua no signo de Leão, o que resulta numa "água borbulhante". Sensível,extremamente emotiva,sonhadora, idealista, intuitiva, como são as criaturas nascidas sob o signo de Escorpião, mas bastante impulsiva, às vezes arisca, autoritária e ansiosa. Acima de tudo, posso dizer que dentro de mim há gente demais: um mundo inteiro.








Online Users




¤ Ouvindo ¤

" Lady Antebellum "-"Need You Now"















¤ ¤ ¤



¤carolina2003@uol.com.br

¤ ¤Eu Participo ¤












¤ Poemas Passados

Histórico:

-
Ver mensagens anteriores





¤ Amigos de Carol ¤




- ¤ Blog UOL¤
- ¤Aqueta¤
- ¤Anne¤
- ¤Aqueta¤
- ¤Meu Humildizinho¤
- ¤Força do amor¤
- ¤Aqueta-2¤
- ¤Sombras do Sol¤
- ¤O detentor do destino¤
- ¤Meu Caderno de Bolso¤
- ¤Bela da Noite¤
- ¤ Dr X ¤
- ¤ Mago merlim ¤
- ¤Aquetinha¤


¤ Votação:

- Dê uma nota para meu blog

Indique esse Blog


Contador:




¤Prêmios Recebidos














VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil










 

Evolução

Planejando o domingo, me dei conta de uma coisa...
Meu primos por parte de mãe são todos de 30, 35 anos, para cima.
Meus primos segundos acabaram ficando mais próximos da minha idade, que vai de 25 a 18, em média.
Vi alguns nascerem e acompanhei o crescimento deles.
(É, eu sei, tô ficando velha né? hehehe).
Lembro que quando tinha uns 17, 18, me achava super adulta e queria distância dos pestinhas.
Olhava eles com superioridade e igonorava as brincadeiras deles.
Passados os devidos anos que demonstram as ruguinhas de hoje, as coisas mudam.
Antes o que era idiota, passou a ser um bom exercício para se manter jovem.
O quê? Como assim? Quem sou, onde estou?
Bom, eu cresci com uma mãe avançada (que bom!) pra idade dela e com um pai que pensa como se hoje fosse 1950
(que ruim).
Vendo isso, decidi que quando crescesse queria ter o espírito jovem, que nem mami.
Claro, que só querer não dá, tem que ter um perfil, uma maneira de ser, que já descobri que nunca vou ter, é só dela.
Mas posso me esforçar para não me deixar envelhecer.
Acho que além da vontade, tem uma coisa mais filosófica, de acreditar que não se deve deixar que o passado tome conta, que o mundo muda e devemos acompanhá-lo.
Que o momento é agora. Não sou de chorar pelo leite derramado, gosto é de pensar no hoje, no agora.
E estou aprendendo com meus priminhos-adolescentes-queridos que dá pra rir, brincar, falar besteira, tentar conhecer mais o mundo deles, mostrar o meu, interagir de uma forma bacana.
E é bom saber que isso é reconhecido, que eles deixam a porta aberta e espiam na minha também.
Quero permanecer assim, aprender a ter elos com mundos mais jovens, de onde vem novas idéias, o futuro.
Não ficar ranziza e chata. Quero achar o máximo a juventude e a capacidade deles, a esperança em coisas melhores.
Na verdade, quero ter nos olhos o brilho que minha mãe tem quando conto algo pra ela dos dias de hoje...
O tempo não pára, faz o corpo envelhecer.
Mas a cabeça pode estar sempre fresquinha, assim como a alma.



- Postado por: Ana Carolina às 15:32
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________




 

Apaixone-se!

Apaixone-se definitivamente pelo seu sonho; o sonho de ninguém deve ser mais apaixonante que o seu!
Apaixone-se pelo seu talento, mesmo que seu senso crítico insista para você escolher realizar outras coisas...
Apaixone-se mais pela viagem do que pela chegada ao seu destino!
Apaixone-se pelo seu corpo - mesmo que ele esteja fora de forma, pois de "qualquer forma" ele é a única casa que você possui.
Desapaixone-se de seus medos... Eles minam sua alegria de viver.
Apaixone-se pelas suas memórias mais deliciosas; ninguém pode tirá-las de dentro de você e elas são excelentes fontes de inspiração em momentos de dor.
Apaixone-se por aquelas besteiras saudáveis que passam por sua mente entre um e outro momento de estresse; eles ajudam a sobreviver.
Apaixone-se pelo sol; ele é fiel, gratuito, absolutamente disponível e dá prazer.
Apaixone-se por alguém; não espere alguém se apaixonar antes por você, só por garantia e segurança.
Apaixone-se pelo seu projeto de vida; acredite, não dá certo fazer isto a dois.
Apaixone-se pela dança da vida que está sempre em movimento dentro da gente, mas que, por defesa nós teimamos em algemar.
Apaixone-se mais pelo significado das coisas que você conquistar do que pelo seu valor material.
Apaixone-se por suas idéias, mesmo que tenham dito que elas não serviam pra nada.
Apaixone-se por seus pontos fortes, mesmo que os pontos fracos insistam em ficar em alto relevo no seu cérebro.
Apaixone-se pela idéia de ser verdadeiramente feliz!
Felicidade encontra-se de sobra nas prateleiras de seus recursos interiores.
Apaixone-se pela música que você pode ser para alguém...
Apaixone-se por ser humano!
Apaixone-se definitivamente por você!
Apaixone-se rápido!
O poder de decisão só pertence a você!



- Postado por: Ana Carolina às 08:49
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________